Programação

Curso de História da Arte Brasileira :: Feito poeira ao vento | fotografia na coleção MAR

24 de março de 2018 | 10h às 13h | Escola do Olhar

O Curso de História da Arte Brasileira é uma ação da Escola Olhar, que se apresenta como uma oportunidade de reflexão em torno da história da arte brasileira. A partir das exposições, programa curatorial e coleções do Museu de Arte do Rio, propõe-se a investigar a pluralidade de perspectivas e indagações acerca da arte moderna e contemporânea, numa revisão histórica que acentua o caráter processual e diverso das produções. Busca, também, enfatizar a importância do papel dos museus na produção de novas abordagens sobre a arte no Brasil.

Nesta edição abordaremos questões relativas à fotografia moderna e contemporânea por meio de duas aulas independentes cujo ponto de partida é a exposição Feito Poeira ao Vento | Fotografia na Coleção MAR.

Aula 2, com Márcia Mello

Bacharel em Letras pela UFRJ, pesquisadora, curadora e conservadora de fotografia. Em 2006, inaugura a Galeria Tempo com Carolina Dias Leite e Giorgiana Bastos, em atividade até 2014. Em 2015 foi diretora-curadora da Marsiaj Tempo Galeria (RJ). Nesse periodo, além de organizar inúmeras exposições, participou como expositora das feiras SP/ARTE e ART/RIO.

Entre suas atividades mais recententes, destaca-se a co-curadora das exposições “Kurt Klagsbrunn, um fotógrafo humanista no Rio (1940-1960)”, “Rossini Perez, entre o morro da Saúde e a África” e “Ângulos da Notícia, 90 anos de fotojornalismo em O Globo” no Museu de Arte do Rio todas em 2015. No Centro Cultural da Justiça Federal, curou a mostra “Tempos de Chumbo, Tempo de Bossa – os anos 60 pelas lentes de Evandro Teixeira” (2014) e na Galeria do Espaço SESC, “Deveria ser cego o homem invisível?”, fotografias de Renan Cepeda (2015).

Como pesquisadora, participou das exposições e livros: “Alair Gomes – A new Sentimental Journey”, Cosac Naify, 2009, e “Caixa Preta – fotografias de Celso Brandão”, Estúdio Madalena, 2016, ambas com curadoria de Miguel Rio Branco e exibidas na Maison Europeenne de la Photographie em Paris. Em 2015, participou do livro “Milan Alram”, edições de Janeiro e Bazar do Tempo, de Joaquim Marçal.

Obs.:

► Número de vagas por aula: 100;
► Caso o número de inscritos supere o número de vagas disponíveis, a Escola do Olhar procederá com processo de seleção a partir da exposição de interesses e motivações em relação ao curso;
► Atenção! O ingresso emitido automaticamente pela plataforma de inscrição não garante sua vaga, caso seja selecionado, você receberá um email de confirmação enviado pela Escola do Olhar.

Inscreva-se aqui.