Programação

Mesa Redonda Festival Internacional do Filme de Pesquisa

14h às 18h 

Mesa redonda dentro do Festival Internacional do Filme de Pesquisa |  Patrimônio e Memória da Escravidão Moderna.

10h às 18h 

O Laboratório de História Oral e Imagem (LABHOI) da Universidade Federal Fluminense (UFF), o Centro Internacional de Pesquisas – “Esclavages” (CIRESC) da Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais de Paris (EHESS), o Centro de Artes e Letras (CELAT) da Universidade de Laval e o Centro Harriet Tubman da Universidade de York, no Canadá,  são membros da rede de pesquisa Slavery, Memory and Citizenship (Escravidão, Memória e Cidadania) e organizam, desde 2008, o Festival Internacional do Filme de Pesquisa sobre a história e a memória da escravidão moderna, com o tema “Cultura, Diáspora e Cidadania”. Trata-se de uma mostra itinerante, organizada a partir de um edital para seleção de filmes produzidos como parte de processos de pesquisa em história e ciências sociais. Os filmes selecionados são exibidos em edições do festival nas quatro cidades sedes - Paris, Rio de Janeiro, Quebec e Toronto, bem como em outras localidades que se mostram interessadas pelo conjunto reunido. Um histórico em francês, inglês e português das diferentes edições da mostra, com sinopse e acesso online, quando autorizado pelos diretores, dos filmes exibidos pode ser acompanhado aqui

No Brasil, as edições do festival  foram organizadas no Rio de Janeiro, em parceria com o Centro Cultural Banco do Brasil/CCBB,  nos anos de 2008, 2009, 2011 e 2012, com grande participação do público e divulgação em diversas mídias. Cartazes e fotos do evento podem ser acompanhados aqui

Este ano, o LABHOI  e o CELAT organizaram, em conjunto,  uma seleção especial de filmes sobre o Brasil no conjunto de filmes até agora exibidos, apresentada em Quebec, em fevereiro de 2015 e agora na Escola do Olhar do Museu de Arte do Rio.  A intenção da mostra é discutir a presença do Brasil no Festival e a forma como os filmes brasileiros ou sobre o Brasil discutiram o legado cultural da diáspora africana e o tema da reparação para a injustiça histórica da escravidão no país.

V FESTIVAL INTERNACIONAL DO FILME DE PESQUISA
PATRIMÔNIO E MEMÓRIA DA ESCRAVIDÃO NEGRA NO BRASIL

Programação

25/4/2015 (sábado)
-  09h30      -  Abertura (Hebe Mattos, Francine Saillant, Michele Johnson)
- 10h00  -  Memories on the Edge of Oblivion (Memórias do Esquecimento)  - André Cicalo, Reino Unido, 2008.  31 min. Vencedor do Festival do Filme de Pesquisa realizado em Lyon, dezembro de 2014.
Filmado em 2008, durante pesquisa de campo do antropólogo André Cicalo  (Universidade de Londres) na região portuária do Rio de Janeiro, o filme explora como a memória da escravidão se relaciona com a experiência de afirmação da identidade negra na paisagem urbana no Rio de Janeiro. Debatedora: Myriam Sepulveda (Dept. Antropologia/UERJ)
- 10h30/13h00 -  FESMAN 2010, Christine Douxamis et Philippe Degaille, França, 2012, 1:30 min.
Documentário da antropóloga Christine Douxami (CEAF/EHESS, Paris) sobre o Festival de Artes Negras de Dakar 2010 no qual o Brasil foi convidado especial.
Debatedora: Stefania Capone (CNRS-EHESS)
- 15h00 – Passados Presentes. Memória Negra no Sul Fluminense, Hebe Mattos e Martha Abreu, LABHOI/UFF, 2012.
Documentário que aborda a memória coletiva do desembarque ilegal de africanos escravizados nas praias de antigas fazendas litorâneas do Rio de Janeiro do século XIX com destino às fazendas cafeeiras do Vale do Paraíba Fluminense.
-16h00 - Memórias Periféricas, de Francine Saillant e Jacques D’Adesky, Canadá, 2013, 45 min.
Documentário de Francine Saillant e Jacques D’Adesky que discute iniciativas de reparação ao racismo como legado da escravidão negra na periferia do Rio de Janeiro. Destaque para a experiência de oficina fotográfica de Januário Garcia com crianças da Baixada Fluminense.
17h00 - Mesa Redonda: O RFF (Research Film Festival/Festival do Filme de Pesquisa), políticas de reparação e a atualidade de memória da escravidão negra. Andre Cicalo (U. Londres); Francine Saillant (U. Laval), Jacques D’Adesky, Hebe Mattos (UFF), Martha Abreu (UFF); Christine Douxami (EHESS), Michele Johnson (U. York), Myrian Sepulveda (UERJ).

Seminário Patrimônio e Memória da Escravidão Atlântica
28/4/2015 (terça-feira)

09h00-11h00 – Workshop – Avaliando a Lei 10639 – discussão de trabalhos de graduandos, mestrandos e doutorandos orientados por pesquisadores do projeto FAPERJ/COLUMBIA Passados Presentes: Memória da Escravidão e Políticas de Reparação nas Políticas Públicas na Área de Educação no Brasil
(eventoa fechado)

11h30 –  Conferência:
Reparação e Reconhecimento
Francine Saillant (Université Laval)

14h00-17h00
PASSADOS PRESENTES// RESISTÊNCIA– um diálogo audiovisual.
- Passados Presentes, LABHOI/UFF, Hebe Mattos e Martha Abreu, 2012.
Trechos escolhidos dos quatro documentários que formam a caixa de DVDs Passados Presentes do LABHOI, entremeados com comentários das historiadoras Hebe Mattos e Martha Abreu sobre o processo de pesquisa que deu origem aos filmes (45 min.). Debatedora Michele Johnson (York University).
- Resistência!, CELAT, Universidade de Laval,  de Francine Saillant, 2013.  
Trechos escolhidos dos quatro documentários que formam a caixa de DVDs Resistência, com documentários da antropóloga canadense Francine Saillant, entremeados com comentários sobre o processo de pesquisa que deu origem aos filmes da pesquisadora (45 min). Debatedora Stefania Capone (CNRS/EHESS).

17h00
Conferência de Encerramento: Michele Johnson
Departamento de História, York University, Harriet Tubman Institute
“Brazil and the Caribbean. Differences and commonalities”
(Brasil e Caribe. Diferenças e Aproximações)

Local: sala 3.1 da Escola do Olhar 

Inscrições na recepção Escola do Olhar